É tanta coisa na cabeça que de vez em quando a gente se pergunta: é isso mesmo que quero? Afinal, quem sou eu? O que estou fazendo da minha vida? Estou dando atenção para as coisas certas? Estou gastando energia no que realmente importa? Estou dando a devida atenção para quem gosta de mim? A gente fica nesse mar de perguntas e nada até encontrar uma resposta.

28.11.14

As vezes não é tão ruim



Quando agente amadurece não são as quedas que passam a ser assustadoras mais sim as cicatrizes que demoram a sair. Mergulhar fundo não é tão perturbador feito parece, é um alivio do mundo e dos problemas. Muitas vezes estar no fundo do poço tem uns certa vantagem, as opiniões passam a serem mais refletidas, as feridas com um tempo param de doer e os pensamentos se esclarecem. Estar em cima às vezes nos deixa muito próximo do sol, fica quente demais e machuca. Estar sozinha, às vezes nos dar liberdade para refletir melhor sobre a vida e nossas escolhas. Estar presa ao passado é bom porque evita que os erros possam ser repetidos. Não sorrir evita se decepcionar. Sofrer às vezes nos faz mais forte. Faz com que as pedras no caminho sejam mais um item para a construção do seu palácio ao invés de um obstáculo para te fazer cair. O silencio e realmente o melhor remédio. A falta do sim ou do não faz com que você seja mais cautelosa ao tomar as decisões, com o fato de estar com medo de se machucar novamente. Solidão ajuda agente a esvaziar o porão, jogar toda tralha fora e realmente pela primeira vez avaliar o que é verdadeiramente importante. Mudança possibilita o inicio de uma nova vida. Tudo o que aconteceu vira passado e só assim dá pra começar do zero. Uma segunda chance de ser quem você quiser ser. Nem sempre aquilo que consideramos pontos negativos em nossas vidas será um motivo ou uma explicação para uma desistência. Às vezes não esses erros, essas desilusões, esses obstáculos, que nos tornam pessoas diferentes, pessoas melhores. São eles que nos proporcionam uma nova vida. A chance de um novo recomeço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vai postar um comentário? Ebaaaaa.
Espero que tenha gostado dos conteúdos do GLP, prometo que retribuirei seu comentário logo me breve, é só deixar o link do seu blog, e assim que possível, farei um visitinha. Prometo. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...