É tanta coisa na cabeça que de vez em quando a gente se pergunta: é isso mesmo que quero? Afinal, quem sou eu? O que estou fazendo da minha vida? Estou dando atenção para as coisas certas? Estou gastando energia no que realmente importa? Estou dando a devida atenção para quem gosta de mim? A gente fica nesse mar de perguntas e nada até encontrar uma resposta.

26.7.14

Mesmo assim Obrigado




Lembra como as coisas chegar ao fim? Nossa foi uma surpresa te encontrar aqui. Sabe eu daria tudo pra ver aquele por do sol de novo. Aquela voizinha aqui dentro vive me falando pra eu tentar se feliz de novo. Só que ela não entende que a minha felicidade era você. Eu lembro quando dançava enquanto estava fazendo o jantar e você ficava me observando da sala. E rindo. Sempre fui péssima em dança. Pra você não bastava me observar gostava de me abraçar forte. Eu adorava aqui. Seus músculos eram tão fortes. Parecem maiores que antes. Acho que agora você tem mais tempo pra ir academia mais vezes. Você sempre dizia que a sua vida era muito corrida. Acho que eu ocupava muito tempo dela.

Perai que é essa garota do seu lado? Ela também pediu um milk-shake de morando, o meu preferido. Olhando daqui fico imaginando se você ainda sente saudades de mim. Eu sinto de você. Tenho uma coisa pra admitir. Eu tentei a regra do desapego, mais acabou não rolando. Me lembrei, hoje era dia de eu ir pra sua casa, provavelmente você ia comprar fandangos, finis, e coca cola pra gente comer quanto terminávamos de assistir as temporada de sobrenatural. Nossa preferida lembra? Essa loira é linda, e isso é uma pena. E perdi não foi? Agora eu to aqui nessa lanchonete comendo fritas com queijo assado, enquanto observo você do outro lado da rua lanchando com essa garota. Aposto que é sua namorada. Fico feliz que você tenha seguido com a vida. Parece feliz. Eu? Não consigo sair com ninguém, um garoto da faculdade ainda se ofereceu pra pagar o meu almoço ontem mais não aceite. Acho injusto sair com um cara pensado em outro. Mais eu estou legal, é serio. É só tirar a metade do vazio que você deixou no meu coração, que é tipo 83%, e tudo fica bem. Droga, você me olhou. Acho que foi esse maldito casaco super vermelho que estou usando, ele chama a atenção de todos. Pensei que fosse atravessar a rua e ia vir falar comigo. Mais eu não valho tudo isso NE? Mais mesmo assim vou dormir melhor hoje. O sorriso meio sem jeito que você me deu do outro lado da rua, mais servir pra cicatrizar um pouquinho das cicatrizes que tanto dói. Obrigado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vai postar um comentário? Ebaaaaa.
Espero que tenha gostado dos conteúdos do GLP, prometo que retribuirei seu comentário logo me breve, é só deixar o link do seu blog, e assim que possível, farei um visitinha. Prometo. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...