É tanta coisa na cabeça que de vez em quando a gente se pergunta: é isso mesmo que quero? Afinal, quem sou eu? O que estou fazendo da minha vida? Estou dando atenção para as coisas certas? Estou gastando energia no que realmente importa? Estou dando a devida atenção para quem gosta de mim? A gente fica nesse mar de perguntas e nada até encontrar uma resposta.

23.4.14

Frases de Tumblrs




Chega em mim sem medo, toca no meu ombro, olha nos meus olhos, como nas canções do rádio. Depois me diz: — “Vamos embora para um lugar limpo. Deixe tudo como está. Feche as portas, não pague as contas nem conte a ninguém. Nada mais importa. Agora você me tem, agora eu tenho você. Nada mais importa. O resto? Ah, o resto são os restos. E não importam.


Muda o caminho, distorce as conversas. Não importa o que aconteça, em todos os aspectos você sempre serão certo.
Típico de menino mimado, que quer ser sempre lembrado, sem aquela imagem de coitado.
Mas toma cuidado, que o teu rostinho pode ser lembrado, mas o que tu faz hoje é o qur realmente ficará marcado, gravado, registrado.
Uma coisa eu digo: Nem Jesus agradou todo mundo, quem sou pra agradar tbm?
Muito menos a você neh? 
- Débora Carvalho


Gente que a gente AMA MUITO, que a gente sente falta das resenhas, das implicâncias, falta de rir muito e AAAALTO, de parar de rir para aperrear o outro (...) Gente que também pensa assim, que sabe que apesar de distante, é imutável, indestrutível, verdadeiro. Gente que sabe tanto disso que não deixa para lá, e faz questão de passar na cara o quanto a saudade dói.
- Débora Carvalho




Sabia que a aparência das pessoas muda conforme você as conhece? Como uma pessoa atraente, se você não gosta dela, se torna feia? Ao passo que alguém que você talvez nem tenha notado, para quem não olharia mais de uma vez, se você ama essa pessoa, ela pode se tornar a coisa mais linda que já viu?


“Sempre acreditei em finais felizes. Aqueles que deixam todos ofegantes e chorando em silêncio, apenas sentindo a melhor sensação com seu interior. Mas sabe o que é ruim de acreditar nisso? É que nunca vamos saber quando será o final, sua hora exata, de se sentir a melhor pessoa do mundo. Por isso, estou me reconstruindo, estou dispensando esses pesares, não quero ser tão pragmática, pois não é o final que será resultado de satisfação, mas sim o que acontece ao longo do caminho, esse sim importa. Nossas escolhas, nossos erros, nosso conhecimento, nossos sonhos, esses que vivem dentro de nós, eles irão nos guiar. Os caminhos podem mudar, nossas prioridades também, por isso, vamos ser felizes todos os dias, afinal o que realmente importa é a jornada, não o ponto de chegada.”
Letícia Gioia - Stuffedd


“Que eu possa também abrir espaço pra cultivar a todo instante as sementes do bem e da felicidade de quem não importa quem seja ou do mal que tenha feito para mim. Que a vida me ensine a amar cada vez mais, de um jeito mais leve. Que o respeito comigo mesma seja sempre obedecido com a paz de quem está se encontrando e se conhecendo com um coração maior. Um encontro com a vontade de paz e o desejo de viver.”
Caio Fernando Abreu.



há momentos na vida em que sentimos tanto a falta de alguém que o que mais queremos é tirar esta pessoa de nossos sonhos e abraçá-la. sonhe com aquilo que você quiser. seja o que você quer ser, porque você possui apenas uma vida e nela só se tem uma chance de fazer aquilo que se quer. tenha felicidade bastante para fazê-la doce. dificuldades para fazê-la forte. tristeza para fazê-la humana. e esperança suficiente para fazê-la feliz. as pessoas mais felizes não têm as melhores coisas. elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos. a felicidade aparece para aqueles que choram. para aqueles que se machucam. para aqueles que buscam e tentam sempre. e para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vidas. o futuro mais brilhante é baseado num passado intensamente vivido. você só terá sucesso na vida quando perdoar os erros
e as decepções do passado. a vida é curta, mas as emoções que podemos deixar duram uma eternidade. a vida não é de se brincar, porque um belo dia se morre.

  

Todo mundo adora ler piadas, ou frases românticas ou notícias de seus ídolos ou do que vai acontecer na novela e todo mundo adora reclamar das coisas também, mas a gente podia parar um pouco pra saber sobre a realidade, sobre o mundo e pra pensar que está reclamando por ter quebrado a unha enquanto outros lamentando não ter dinheiro pra comprar um pão. Então desça um pouco do seu carrossel pra ver o que está acontecendo em volta dele, talvez possa ajudar em alguma coisa, eu prefiro muito mais colocar um sorriso no rosto de alguém do que ganhar um presente ou qualquer coisa que seja pra mim, eu tenho certeza que a pessoa estará feliz e isso me fará feliz também.


a vida me ensinou… a dizer adeus às pessoas que amo, sem tirá-las do meu coração. a sorrir às pessoas que não gostam de mim, para mostrá-las que sou diferente do que elas pensam. a fazer de conta que tudo está bem quando isso não é verdade, para que eu possa acreditar que tudo vai mudar. a calar-me para ouvir. a aprender com meus erros. afinal eu posso ser sempre melhor. a lutar contra as injustiças. a sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo. a ser forte quando os que amo estão com problemas. a ser carinhoso com todos que precisam do meu carinho. a ouvir a todos que só precisam desabafar. a amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos. a perdoar incondicionalmente, pois já precisei desse perdão. a amar incondicionalmente, pois também preciso desse amor. a alegrar a quem precisa. a pedir perdão. a sonhar acordado. a acordar para a realidade (sempre que fosse necessário). a aproveitar cada instante de felicidade. a chorar de saudade sem vergonha de demonstrar. me ensinou a ter olhos para “ver e ouvir estrelas”, embora nem sempre consiga entendê-las. a ver o encanto do pôr-do-sol. a sentir a dor do adeus e do que se acaba, sempre lutando para preservar tudo o que é importante para a felicidade do meu ser. a abrir minhas janelas para o amor. a não temer o futuro. me ensinou e está me ensinando a aproveitar o presente, como um presente que da vida recebi, e usá-lo como um diamante que eu mesmo tenha que lapidar, lhe dando forma da maneira que eu escolher.


Pessoas entram e saem das nossas vidas. Algumas nos tocam de uma maneira que mesmo que nunca mais as vejamos, sempre nos lembraremos delas. Todo mundo já teve aquele amigo engraçado, aquele pelo qual sentia uma paixão incontrolável, ou aquele para as horas tristes, ou ruins. Aqueles amigos para festas, para comemorações, aqueles que se jogariam na frente de um carro para te salvar. Amigos, irmãos, colegas. Aquela pessoa que consegue te animar quando nada mais consegue, somente com sua voz, seu jeito. E aqueles que por mais que não queiramos, mas que desaparecem. E se um dia me perguntassem se eu tive amigos, eu diria que sim, e que tive os melhores do mundo.


Toda garota já se arrependeu de ter cortado o cabelo, já quebrou a unha, já comeu chocolate ou sorvete pra matar a tristeza, já se apaixonou pela pessoa errada, já brigou com a melhor amiga, já se ferrou em alguma prova, já se atrasou, já ficou zangada sem motivo, já chorou de tanto rir, já duvidou de alguém, já pensou bobeiras, já teve pesadelos, já ficou 1 hora no telefone. Toda garota tem um bicho de pelúcia, acredita na amizade entre meninos e meninas, tem um ídolo, um livro preferido, uma mania irritante, um vício e uma paixão platônica. Toda garota já correu riscos por uma pessoa que não mereceu. Toda garota já se arrependeu e já errou, já quis ser outra garota.

"Saudade é não saber. Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche."
— Martha Medeiros


"Porque eu sou do tamanho daquilo que sinto, que vejo e que faço, não do tamanho que as pessoas me enxergam."
— Carlos Drummond de Andrade

"Hoje, depois de ter dito muita coisa que magoou muita gente e ter ouvido muita coisa que me magoou, eu penso antes de falar. Eu respiro fundo e conto até cem mil se precisar. A palavra dita não tem volta. A ferida que ela causa dói muito."
— Tati Bernardi

"Chega um dia em que a gente simplesmente muda. Os sentimentos acabam e o coração faz novas escolhas."
— Caio F Abreu

"Existem coisas que sempre vão doer, apertar o sapato, incomodar, latejar no peito. Não tem jeito: por mais que a gente se livre de traumas e mágoas alguns sentimentos não legais sempre vão morar dentro do coração. Não por rancor ou coisa parecida, mas porque nem tudo dá pra ser esquecido e deletado da vida num passe de mágica. A gente sente, é de carne, osso e sentimento. Nada mais óbvio do que carregar na bagagem algumas tristezas. Não somos feitos só de coisas boas, temos lados obscuros e que não sabem perdoar."
— Clarissa Corrêa

"Quando tá tudo indo bem, eu sempre tenho a sensação de que alguma coisa, no fundo, tá muito errada."
— Tati Bernardi

"Ando tropeçando em absurdos. Em desassossegos também. Tem gente que tirou o mês pra me chatear, me colocar pra baixo, me jogar em cima um amontoado de energias ruins. Tem gente que tem esse dom. De não ser feliz e querer enferrujar o sorriso alheio."
— Caio F Abreu




"Você se cansa de amores incompletos, de amores platônicos, de falta de amor, de excesso disso e daquilo. Se cansa do “apesar de". Se cansa do rabo entre as pernas, da sensação de estar sendo prejudicado, se cansa do “a vida é assim mesmo". Você se cansa de esperar, de rezar, de aguardar, de ter esperanças, cansa do frio na barriga, cansa da falta de sono. Você se cansa da hipocrisia, da falsidade, da ameaça constante, se cansa da estupidez, da apatia, da angústia, da insatisfação, da injustiça, do frenesi, da busca impossível e infinita de algo que não sabe o que é. Se cansa da sensação de não poder parar."
— PC Siqueira

"Eu sofro de recaídas. Uma hora eu digo que superei, que a sua presença não me afeta mais. Chego a passar um dia inteirinho sem pensar em você. Me envolvo com outras pessoas. Faço da estrada minha melhor amiga e da bebida minha companheira. Até ai, tudo bem. Mas outra hora, vem a nostalgia. A falta, a carência. Vem você e o seu sorriso. É nessa hora que eu confesso que sou fraco. É nesse momento que me tranco no quarto, abraço o travesseiro e deixo as minhas lágrimas falarem o que estou sentindo. Fico sentimental. Qualquer propaganda de margarina me emociona. Qualquer texto que fale de um amor e qualquer música melancólica me desarmam. Como disse, sofro de recaídas."
— Querido John

"Outro dia tentei chorar. Outro dia tentei abraçar meu travesseiro. Não acontece nada. Eu não consigo sofrer porque sofrer seria menos do que isso que sinto. Tentei falar. Convidei um amigo pra jantar e tentei falar. Fiquei rouco, enjoado, até que a voz foi embora. Tentei aceitar o abraço do meu amigo, mas minha mão não conseguiu tocar nas costas dele. Não consigo ficar triste porque ficar triste é menos do que eu estou. Não consigo aceitar nenhum tipo de amor porque nenhum tipo de amor me parece do tamanho do buraco que eu me tornei."
— Tati Bernardi

"Acontece que nem tudo depende da gente. E essa é a grande porcaria."
— Clarissa Corrêa

"Eu sou uma eterna apaixonada por palavras. Música. E pessoas inteiras. Não me importa seu sobrenome, onde você nasceu, quanto carrega no bolso. Pessoas vazias são chatas e me dão sono. Gosto de quem mete a cara, arrisca o verso, desafia a vida. Eu sou criança. E vou crescer assim. Gosto de abraçar apertado, sentir alegria inteira, inventar mundos, inventar amores. O simples me faz rir, o complicado me aborrece."
— Caio F Abreu

"Tudo bem: Não é a primeira vez que você se sente tão perdida, usada, burra e sozinha."
— Tati Bernardi

"Agora, eu penso assim: isso vale uma marquinha de expressão? Isso vale uma noite de insônia? Isso vale a minha paz? Não, então tchau."
— Clarissa Corrêa

"Parecia que o tempo não passava nunca. Mas passou. O tempo sempre passa, essa é a única certeza que a gente tem. Fora a morte, é claro. Mas hoje não quero pensar na morte. Quero pensar é na vida. Na minha nova vida."
— Caio F Abreu

"Nem terapia, nem remédio, nem bebida, nem amigos, nem oração. A única coisa que ajuda a superar um menino é um homem."
— Tati Bernardi

"Ah, Deus, me ajuda, por favor. Você não sabe quanto tempo faz que eu tento em vão, todo dia eu me esforço tentando mudar, mas alguma coisa sempre me empurra pra baixo. É verdade. Não me deixe só aqui, sem amor. Não me deixe, Senhor."
— Cazuza

"Ele explicou tudo. Ele foi claro. Ele me quer, mas preciso de mais. Preciso que ele me queira como eu o quero e preciso, e no fundo sei que não é possível. Estou triste."
— 50 tons de cinza

"Eu escrevo sem esperança de que o que eu escrevo altere qualquer coisa. Não altera em nada… Porque no fundo a gente não está querendo alterar as coisas. A gente está querendo desabrochar de um modo ou de outro."
— Clarice Lispector

"Quando falo, todo mundo acha que estou querendo aparecer, que sou ridícula quando fico quieta, insolente quando respondo, inteligente quando tenho uma boa ideia, preguiçosa quando estou cansada, egoísta quando como um pouquinho mais do que deveria, imbecil, covarde, calculista e outros adjetivos. O dia inteiro só ouço dizerem como sou uma criança irritante, e apesar de rir e fingir que não me importo, eu me importo, sim. Gostaria de pedir a Deus que me desse outra personalidade, uma que não criasse antagonismos com todo mundo. Mas isso é impossível. Estou presa ao caráter com o qual nasci e, mesmo assim, tenho certeza de que não sou má pessoa. Faço o máximo para agradar a todos, mais do que eles suspeita
— 
O diário de Anne Frank 


 
"Vem sempre que puder,que quiser, que precisar. Vem que eu te escuto, te protejo, te cuido, te mimo, te amo."
— Caio F Abreu

"Pensei em sumir. Desaparecer. Despistar. Fingir. Só que eu não vou. Vou me esforçar e acreditar que tudo vai ficar bem. A esperança nos mantém vivos, certo? A fé nos faz andar para a frente, certo? Então tá certo. Ficamos combinados dessa forma. Não espere poesia, linhas bem feitas, palavras bonitas. Simplesmente não posso. Agora não. Não sou de ferro. E está doendo."
— Clarissa Corrêa

"A diferença entre o amor e o ódio, é que pelo ódio a gente mata, e pelo amor a gente morre."
— Renato Russo
"Eu duvido! Duvido que você não chame meu nome quando você sente falta de alguém, duvido que não sinta falta do meu carinho sempre tão sincero, falta de me contar como foi seu dia, as histórias da sua vida que sempre foram pra mim melhor do que qualquer novela. Duvido que você não me procure nas biscates que você pega por aí, sempre tão vazias. Vazias igual a sua liberdade idiota que nunca te serviu pra porra nenhuma. Talvez esse seja o nosso problema, eu sou completa demais pra sua vidinha mais ou menos. Eu sinto, eu penso, eu falo, eu te conheço, isso te assusta né? “Tô invadindo seu espaço? Desculpa.” Essa fui eu, durante todo esse tempo, me desculpando por que mesmo ? Me diminui pra você ficar maior, pra você não me perceber entrando na sua vida. Se você pudesse sentir o quanto isso dói você quem iria se desculpar. Eu queria ligar pra você, e te falar sem pausas tudo que eu ensaio toda vez que você me magoa, mas nunca digo pra não te magoar, afinal você não me faz mal por mal, e talvez esse seja o pior mal que se possa fazer a alguém, tão natural. Bobagem, como se algum ensaio no mundo fosse me deixar firme depois do seu ‘alô’. Então é isso, tô te escrevendo! Sempre fui mais segura com as palavras. Tô te escrevendo pra talvez um dia te enviar, mas to escrevendo. E não é sobre você dessa vez, é sobre mim. Sobre o quanto eu sou boa, igual a mim tá difícil meu bem! Sobre como eu não preciso usar cinco centímetros de saia e um decote no umbigo pra ser mulher; Sobre como, ainda assim, só eu sei fazer de você um homem. Sobre muitas coisas, mas principalmente, sobre quantos homens eu poderia estar saindo nesse exato minuto. Não é com você, é comigo sabe? Por exemplo, eu te idealizo nesse momento como o melhor, não que você seja. Acho legal você brincar com a sorte, mas se eu fosse você não teria tanta certeza da minha posse assim! Talvez ninguém tenha te avisado ainda, então desculpa se eu vou te dar essa notícia sem te preparar antes, mas a porra do mundo não gira em torno do seu umbigo! Ficou chocado? Acontece. Só queria te dá um conselho, em nome da nossa amizade e meu carinho por você, tira uma mão da liberdade e segura um terço. Fica assim, agarrado nas duas coisas sabe? E reza, reza muito pra não aparecer ninguém que mexa comigo enquanto você fica brincando de não saber o que quer. Porque eu sou amor, e ainda que não seja o seu, essa é a minha essência! E você não deve acreditar muito nessa ideia, pelas tantas vezes que eu quase fui, mas um dia eu vou.. sempre foi assim! Mas deixa eu te contar um segredo: se eu for, eu não volto."
— Tati Bernardi

"Aprendi a viver ou conviver com a falta, a perda, a ausência… Certas coisas, não vale a pena ter de volta."
— Querido John

"Fechei os olhos e pedi um favor ao vento: Leve tudo que for desnecessário. Ando cansada de bagagens pesadas… Daqui pra frente levo apenas o que couber no bolso e no coração"
— Cora Coralina

"Educação eu tenho, só não tenho paciência. Se me der na telha eu levanto e vou embora, não preciso ficar aturando gente mal amada."
— Caio Augusto Leite

"Mulheres inteligentes sabem que chorar é algo que se faz em casamentos e funerais, não nas noites de sábado."
— Desconhecido

"A gente morre. E quer saber o que a gente leva da vida, quando morre? Porra nenhuma. A gente só deixa. Acha que, no final, vai levar tuas cicatrizes? Sejam emocionais ou físicas. Não, né? Então pra que tanto medo de viver?"
— Tati Bernardi

"Não quero lembrar. Faz mal lembrar das coisas que se foram e não voltam. Agora já passou. Não sinto raiva, não sinto nada. Sinto saudade, de vez em quando. Quando penso que podia ter sido diferente."
— Caio F Abreu

"Me traz você, por favor. E leva embora todas essas coisas chatas que só servem para ocupar minhas horas enquanto você não chega."
— Tati Bernardi

"Ontem chorei. Por tudo que fomos. Por tudo o que não conseguimos ser. Por tudo que se perdeu. Por termos nos perdido. Pelo que queríamos que fosse e não foi. Pela renúncia. Por valores não dados. Por erros cometidos. Acertos não comemorados. Palavras dissipadas.Versos brancos. Chorei pela guerra cotidiana. Pelas tentativas de sobrevivência. Pelos apelos de paz não atendidos. Pelo amor derramado. Pelo amor ofendido e aprisionado. Pelo amor perdido. Pelo respeito empoeirado em cima da estante. Pelo carinho esquecido junto das cartas envelhecidas no guarda- roupa. Pelos sonhos desafinados, estremecidos e adiados. Pela culpa. Toda a culpa. Minha. Sua. Nossa culpa. Por tudo que foi e voou. E não volta mais, pois que hoje é já outro dia. Chorei. Apronto agora os meus pés na estrada. Ponho-me a caminhar sob sol e vento. Vou ali ser feliz e já volto."
— Caio F abreu

"Eu gosto das pessoas que param para escutar. Que gostam de abraços, que conseguem amar. Gosto de pessoas que riem de modo estranho, choram escondidas. Gosto de pessoas que não se escondem atrás de máscaras, pessoas que são fortes, pessoas que sempre seguem em frente. Gosto de pessoas que gostam de pessoas. Gosto de pessoas que sabem o motivo de uma lágrima, que estão sempre por perto. Gosto de pessoas que nunca se vão, de pessoas que ficam, que tentam, que conseguem. Gosto de pessoas assim… Como elas são."
— Tati Bernardi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vai postar um comentário? Ebaaaaa.
Espero que tenha gostado dos conteúdos do GLP, prometo que retribuirei seu comentário logo me breve, é só deixar o link do seu blog, e assim que possível, farei um visitinha. Prometo. Volte sempre!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...